Monster 2


Você é um monstro
Sempre armado até os dentes
Presas afiadas em meu pescoço
Você tem unhas que machucam
Que ferem, que cortam a carne
Dos desavisados
Seu corpo é uma arma
Sua lábia é uma arma
Sempre achando que vai me convencer do contrário
Por um momento achei...
Achei que poderia...
Confiar de novo em você
Por um momento achei...
Achei que você...
Diria apenas a verdade pra mim
Da onde surgiu tanta bosta?
Escapando pelos poros
Mentiras, falácias, enganações
Soa como se você fosse
Meu estripador
E você de fato é
Sua carinha bonita
Tornou-se um rasgo demonizador
De novo e novamente
Vá embora enquanto há tempo
Maldito sentimento
Por que eu gosto de...
Me matar assim?
Como confiar?
Como acreditar?
Como posso ter confiado em você (de novo)?

2 comentários:

kuran duran disse...

Porra ce morreu mesmo em ark ? adoro suas recomendações de musica, volta krl.

AArK Cianwood disse...

Eu ando mais no face. Hasuhauhas!
Mas de vez em quase nunca eu surjo por aqui de novo, mas com bem menos frequência! :v