Rubber

Você é meu amor, meu amor,
Meu amor de borracha
Meu amor de plástico, que queima quando eu toco

Você é meu amor, meu amor,
Meu amor de fibra de carbono
Você dá choque quando eu entro em contato

Quem é que afogou suas mágoas?
Quem é que limpou sua mente?
Quem é que te acariciou o rosto?
Quem te protegeu sem esperar... Nada em troca?

Você é meu amor, meu amor,
Você é meu amor de pano
Você é meu amor de silício, você se quebra ao tocar o chão

E você é meu amor, meu amor,
Meu amor de madeira
Você é meu amor gás carbônico, soprado pelo vento

Quem é que te disse palavras sinceras?
Quem é que cumpriu todas as promessas?
Quem é que estava contigo, contigo...
Quem é que te fez companhia dentro do vidro?

Não adianta mais fugir da realidade
Não adianta mais mentir pra si mesmo, duas, três ou quatro vezes
Assuma de uma vez, assuma de uma vez
O pecado escondido, o desejo velado, os 7 pecados
O que mais você fez? O que mais você fez?

2 comentários:

Snow disse...

Muito Bom!
ou muito ...
q seja .
parece ... q não consigo me expressar em palavras pra te dizer oq realmente achei rs... desculpe-me

AArK disse...

???