Por quê?

Tive tudo nas mãos, mas não tive nada
Tive todo um sentimento, mas não tive nada
Tive tudo que é pra ser completo, mas foi incompleto
Me sinto a pior pessoa do mundo

Tive tudo dedicado à mim, mas não tive nada
Tive palavras doces e fortes, mas não tive nada
Tive um pouco do que é o paraíso, mas teve um pouco de inferno
Me sinto a pessoa mais imbecil que existe

Eu não consigo mais ficar tentando
Fugir desses sentimentos escrotos
As lembranças me perseguem
E essas lembranças doces me assustam
Elas me ferem como adagas afiadas
Enferrujadas por amor latente que não se foi
Eu não gostaria de ferir você
Eu odeio, odeio, odeio ter de fazer isso
Mas vai ser pior se eu escavar dum túmulo antigo, não é?
Vai ser pior se eu simplesmente fingir
Estou explodindo por dentro
E a minha mente continua a questionar...
Por que eu não pude te aceitar dentro de mim?

...Por quê?

Nenhum comentário: